Cree en grande.
CONMEBOL

Oficina de preparação do gramado no Complexo Celeste

Oficina de preparação do gramado no Complexo Celeste

Nesta sexta-feira e sábado, no Complexo Celeste da Associação Uruguaia de Futebol (AUF), a CONMEBOL deu início à Oficina de Preparação de Gramado, destinado aos responsáveis pela manutenção dos gramados dos clubes da Primeira Divisão do futebol uruguaio.

Esta é a primeira capacitação realizada sobre a preparação do campo de jogo no Uruguai, em uma iniciativa da Direção de Competições e Operações da CONMEBOL, em conjunto com a AUF, para a CONMEBOL Libertadores, CONMEBOL Sudamericana e CONMEBOL Libertadores FEM 2021, que serão disputados em Montevidéu.

"Sabemos que, assim como os jogadores, o campo requer um tempo de preparação. É por isso que, dois meses antes das finais, estamos trabalhando para deixar no ponto o Centenário e os outros estádios do futebol uruguaio, onde teremos competições no próximo ano. Achamos que era o momento certo para realizar esta oficina e transferir todo esse conhecimento sobre manutenção de gramados para a AUF", disse André Vitali, Gerente de Projetos Especiais.

A engenheira agrônoma, Maristela Kuhn, com ampla experiência na preparação, avaliação e manutenção de campos de futebol, lidera as capacitações na oficina, que será composta de duas partes: teórica e prática.

De nacionalidade brasileira, ela tem mais de 20 anos de experiência na preparação de campos de futebol. Trabalhou em todos os campos de jogos e centros de treinamento das seleções da Copa do Mundo da FIFA Brasil-2014 e também é responsável pela manutenção dos principais campos de futebol do Brasil e da América do Sul.

"O campo é o palco principal do espetáculo. É nosso dever prepará-lo e para isso existem técnicas que vamos aprender hoje", disse Kuhn, antes de iniciar a capacitação.

Ela disse que o curso será enfocado na segurança do gramado, na importância de ter um campo de jogo seguro para os jogadores. "Meu principal objetivo é proteger a integridade física dos protagonistas, que o campo não tenha poços, que a bola role com naturalidade e como segunda missão seria a parte estética, a qualidade do fertilizante, a semente, a cor e a densidade", afirmou.

Entre os tópicos desenvolvidos, destacam-se os seguintes:

  • Construção de campos de futebol
  • Nova tecnologia para a construção de campos e questionário sobre os campos
  • Remodelação de campos antigos e manutenções anuais 
  • Gerenciamento do campo para jogos e dias de jogos.

Durante o curso, também serão feitas demonstrações sobre o uso de todos os equipamentos para manutenção do gramado, tais como máquinas de corte, equipamentos de aeração, pulverizadores, espalhadores de fertilizantes, marcadores de linha e o uso de escovas e ancinhos.

 

 

 

Fotos: AUF / CONMEBOL.com