Cree en grande.
CONMEBOL

São Paulo e Atlético Mineiro avançam às quartas de final

São Paulo e Atlético Mineiro avançam às quartas de final

Os brasileiros São Paulo e o Atlético Mineiro classificaram para as quartas de final da CONMEBOL Libertadores 2021 ao derrotarem os argentinos Racing Club e Boca Juniors, respectivamente, no encontro de revanche das Oitavas de Final, disputado nesta terça-feira.

Em um grande encontro da equipe paulista, o argentino Emiliano Rigoni (44’ e 57’) e Marquinhos (48’), destaque do jogo, anotaram os gols para o time dirigido por Hernán Crespo, enquanto Javier Correa (63’) descontou para o conjunto local.

Deste modo, São Paulo fechou a série com um global de 4-1, já que tinha empatado 1-1 no primeiro encontro no Morumbi.

O time brasileiro dominou a partida em base a um jogo muito bonito, produto de um ambicioso planejamento como visitante, contra um Racing que falhou na marcação.

Nas quartas de final, o tricolor paulista confrontará o vencedor da série entre Universidad Católica do Chile e Palmeiras, que venceu por 1-0 na ida em Santiago.

- Números do jogo –

  • São Paulo ganhou do Racing pela primeira vez em competições CONMEBOL após 4 encontros (1V 2E 1D). Todas as partidas foram na atual edição da CONMEBOL Libertadores.
  • São Paulo é o primeiro time brasileiro em vencer o Racing como visitante na CONMEBOL Libertadores (1V 3E 2D).
  • São Paulo voltou a ganhar na Argentina após 7 jogos sem celebrar (2E 5D). Sua última alegria tinha sido contra o River Plate nas semifinais da edição de 2005 (2-3).
  • Marquinhos é o jogador mais jovem do São Paulo em marcar na história da Libertadores: 18 anos e 104 dias.
  • Emiliano Rigoni disputou o primeiro jogo de sua história na CONMEBOL Libertadores e marcou dois gols: é o primeiro jogador na história do Tricolor em estrear com dois gols nesta competição. Foi o jogador do São Paulo com mais finalizações (4) e um dos que realizou mais levantamentos (3).

 

- Mineiro classifica nos pênaltis -

O Atlético Mineiro classificou nesta terça-feira para as quartas de final da CONMEBOL Libertadores, ao vencer o Boca Juniors por 3-1 nos pênaltis em Belo Horizonte, após o empate de 0-0 no tempo regulamentar, o mesmo resultado registrado na ida.

O encontro foi muito igualado, com pouca ação nos metros finais e teve que ser definido desde os doze passos.

Na fase de pênaltis, o goleiro local, Everson, se transformou no herói da classificação do Galo ao defender os pênaltis de Sebastián Villa e Esteban Rolón e marcar o quinto e decisivo gol da sua equipe.

Só Marcos Rojo conseguiu anotar para o Boca, enquanto para a equipe local, o argentino Nacho Fernández e o paraguaio Junior Alonso, anotaram. O veterano atacante Hulk e Hyoran falharam seus disparos para o time brasileiro.

O Mineiro espera nas quartas de final o vencedor da chave entre River Plate e Argentinos Juniors, que será decidido na quarta-feira.

- Números do jogo -

  • É a primeira vez que Atlético Mineiro e Boca Juniors vão aos pênaltis, na história da CONMEBOL Libertadores. A equipe brasileira nunca perdeu uma fase de pênaltis no torneio (4 disputadas com a de hoje).
  • Atlético Mineiro foi o primeiro time que eliminou o Boca Juniors em uma fase de pênaltis na CONMEBOL Libertadores. Boca estava em uma racha de 5 vitórias em 5 disputas contra adversários do Brasil antes da derrota de hoje.
  • Atlético Mineiro continua em sua racha invicta mais longa na história da CONMEBOL Libertadores. Agora está invicto por 9 jogos na Copa (6V 3E).

 

 

 

 

 

 

 

OPTA / AFP